Último dia de inscrição para Desafio de Redação

Hoje é o último dia para que estudantes e professores garantam participação na 14ª edição do Desafio de Redação, concurso literário que dará ao melhor texto uma bolsa de estudos integral na USCS (Universidade Municipal de São Caetano), além de distribuir outras dezenas de prêmios como notebooks, tablets e televisores. A participação é gratuita e deve ser feita por meio do hot-site www.dgabc.com.br/desafioredacao – basta apontar a câmera do celular para o QR Code ao lado para ser direcionado para a página do concurso.

Desde que o concurso literário promovido pelo Diário e pela USCS foi lançado, no fim de maio, a Etec (Escola Técnica Estadual) Rio Grande da Serra começou a trabalhar o projeto junto aos alunos. Não à toa, a instituição figura entre as três escolas – do total de 344 – com mais inscritos no concurso, ao lado do Colégio Universitário da USCS e a unidade andreense da Vila Clarice do Sesi.

Por causa da pandemia da Covid-19, nesta edição o Desafio de Redação será realizado virtualmente. O tema escolhido é As Lições da Pandemia para a Construção de um Futuro Melhor. Para participar, basta entrar no hot-site, fazer um texto sobre o assunto e torcer para ser bem avaliado pelos organizadores do concurso. Quem tiver dúvida quanto à inscrição e envio do texto pode entrar em contato pelo telefone 4435-8133, que funciona das 9h às 18h.

Orientadora educacional da Etec Rio Grande da Serra, Erika Lippe, 40 anos, conta que desde que a unidade passou a funcionar, há cinco anos, o Desafio de Redação começou a ser desenvolvido internamente com os alunos. Mas ela já trabalhava com o concurso desde sua primeira edição, em outra escola.

“O Desafio é parte das atividades pedagógicas, está no nosso calendário escolar. Os alunos reconhecem naturalmente o valor do projeto”, afirma. Segundo Erika, o resultado da boa participação dos estudantes é por causa de trabalho em conjunto. “A direção apoia e os professores se dedicam muito. Eles abraçam a causa”, revela.

Mas há outro fator importante, de acordo com a orientadora educacional, para a boa participação dos estudantes. “Rio Grande da Serra, socioeconomicamente, é carente. E os alunos enxergam no Desafio uma grande oportunidade para acessar a vida universitária. Todos os alunos do 3º ano (do ensino médio) desejam ganhar o prêmio, que é a bolsa de estudos (na USCS)”, conta.

Além disso, a docente vê no concurso oportunidade para que os estudantes expressem sua visão sobre a temática abordada de forma refletida. “O tema não poderia ser outro. Estamos passando um momento singular na história da humanidade”, avalia.

Para a orientadora, o Desafio é importante projeto social. Ela sustenta que na edição do ano passado, um dos alunos da Etec onde trabalha participou e ganhou um notebook. “Agora, diante desta pandemia e com as aulas virtuais, ele usa esse aparelho para poder estudar”, conta.

Podem participar alunos de escolas públicas e particulares do Grande ABC, do 6º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio, além dos matriculados na EJA (Educação de Jovens e Adultos) e telessalas. Professores também podem mandar seus textos. Quem participar concorre com outros docentes e a melhor redação leva como premiação um notebook.

As escolas cujos alunos forem contemplados no concurso poderão organizar torcida virtual e a mais animada concorre ao prêmio de R$ 3.000. Assim que sair o resultado a coordenação entrará em contato com as escolas para informar sobre a produção dos vídeos.

O vencedor será anunciado no dia 16 de novembro, com transmissão ao vivo pela DGABC TV, que pode ser acessada pelo site do jornal (www.dgabc.com.br). O concurso é uma realização do Diário e da USCS e tem patrocínio do Cemitério Vale dos Pinheirais.